Perdas e Ganhos – o privilégio de tomar decisões

Decidir é um processo complexo para a maioria das pessoas, porque normalmente envolve renunciar a algo que temos ou fazemos, para obter algo que nos interessa.

Viver é renunciar porque viver é optar e optar é renunciar.   (Artur da Távola)

Quanto precisamos decidir algo, significa que temos duas ou mais alternativas, mais ou menos interessantes.

E significa também que temos o privilégio de ter opções e poder decidir!

É importante lembrar que, antes de escolher, às vezes precisamos nos esforçar para sair do lugar comum, para conseguir vislumbrar as alternativas e possibilidades que temos para a questão que queremos resolver.

Um dos aspectos mais importantes a considerar, quando temos de tomar uma decisão, é ver quanto as opções que temos estão ou não alinhadas com nossos valores mais importantes e nossos objetivos pessoais e profissionais.

Você é livre para escolher, mas é prisioneiro das consequências. (Pablo Neruda)

Para isso, obviamente, é preciso que nos conheçamos bem, para que possamos fazer essa análise mais acertada.

Se você não está seguro ou gostaria de aprofundar seu conhecimento sobre seus valores, veja aqui: Você tem valores??? Descubra o que te move.

Quanto aos seus objetivos e metas, você pode também obter mais clareza aqui: Meta-se e comprometa-se com a sua Meta.

Ter consciência sobre seus valores, necessidades, potenciais e objetivos é essencial para que você possa tomar uma decisão muito mais acertada.

No processo de coaching, é muito frequente nos deparamos com escolhas e decisões, que não são tão fáceis de serem tomadas, principalmente por terem grande impacto na vida do cliente.

Sabe aquela hora em que você tem duas propostas na carreira, ambas bastante interessantes, e não consegue se definir por uma delas, fica “matutando”, entra em ansiedade e fica cada vez mais confuso?

Ou então, não está feliz no trabalho atual, mas que lhe provê segurança e reconhecimento, e gostaria de investir em uma nova carreira, precisando, para isso, decidir sobre o caminho a seguir para chegar lá?

Para casos assim, podemos usar uma ferramenta aparentemente simples, mas bastante efetiva, chamada Perdas e Ganhos.

Existem várias ferramentas com esse mesmo nome, mas a que vou apresentar aqui é a que mais utilizo para ajudar as pessoas a organizarem seu pensamento, aumentando as chances de tomarem suas decisões de forma mais tranquila e acertada.

Antes de utilizar a ferramenta, é essencial que você considere, dentre todas as possibilidades que imaginou, quais são aquelas que realmente são mais adequadas para o seu momento de vida.

perdas_e ganhos_momento_coaching_antuak_consultoria

Ao preencher o quadro com as suas opções, coloque todas as que você realmente estiver considerando, sejam duas ou mais.  Preencha tantos formulários quantos forem necessários.

Basicamente, a ferramenta consiste em colocar cada alternativa em um dos campos e refletir sobre o que você ganha ou perde se optar por ela.

Nesse momento, o importante é refletir bastante e ser honesto em relação ao que quer, aos seus valores e objetivos.

Considere todos os aspectos: finanças, qualidade de vida, ambiente, lazer, relacionamentos, desenvolvimento pessoal e profissional, família, saúde e tudo mais que for importante para você.

Por exemplo, se você tem uma proposta de trabalho interessante, mas também gosta de onde trabalha atualmente, considere o que a proposta externa vai lhe dar em termos de ganhos e perdas:

No campo “o que ganho”, coloque o que você acha que ganhará em termos de salário, benefícios, facilidade de acesso, possibilidades de crescimento, tempo livre, qualidade de vida etc.

Lembre-se que, tanto quanto os aspectos tangíveis acima, você deve também considerar os aspectos mais intangíveis, como ambiente de trabalho, senso de realização, valores, sonhos etc.

No campo “o que perco”, considere e coloque o que você pode perder nos mesmos ou em outros aspectos.

Faça o mesmo para a opção “ficar na empresa em que já está”.

Depois que fizer isso, você terá mais elementos para tomar sua decisão.

Essa é uma ferramenta que pode ser poderosa, caso você a utilize com bastante reflexão e consciência.

Você tem uma decisão, pequena ou grande, a tomar?

Então experimente utilizar essa ferramenta, de forma equilibrada, honesta e levando em conta todos os fatores envolvidos.

Você vai ver que realmente fica mais fácil ter uma ideia mais clara do caminho a seguir.

A vida não tece apenas uma teia de perdas, mas nos proporciona uma sucessão de ganhos. O equilíbrio da balança depende muito do que soubermos e quisermos enxergar.  (Lya Luft)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s